ULTIMAS POSTAGENS

De Natura Florum - Clarice Lispector

Hey, Pockets! Tudo bem? 

Vamos nos perfumar com a Sra. Lispector em sua obra mais florida! “Clarice sempre quis ser flor, como demonstra ao dizer ‘Suportando com desenvolta amargura as minhas pernas e sapatos sempre cambaios, humilhada por não ser uma flor…’ . E graças à sua escrita, absolutamente inigualável, o conseguiu.” comentou Marina Colassanti na apresentação de “De Natura Florum”, publicado originalmente no Caderno B do Jornal do Brasil.


Contando com 25 verbetes, onde 20 são espécies de flores, Clarice ressignifica as cores, perfumes e espécies florais de um jeito cativante que lhe é tão particular. A ucraniana mais brasileira que os trópicos viram nos brinda com definições primorosas, pingando aos poucos palavras rebuscadas que ampliam os significados e ressignificados que a autora dá.

"Azaleia

Há quem a chame de azálea, mas prefiro mesmo azaleia. É espiritual e leve; é uma flor feliz e que dá felicidade. Ela é humildemente bela."

Brincando com a essência mais pura existente entre o belo e a melancolia a ilustradora Elena Odriozola eleva os verbetes de uma forma pertinente, contundente sem deixar de ser sensível, abraçando o leitor se permitindo inebriar pelo doce perfume de Clarice.

"Tem perfume de lua cheia"

Entre vitórias-régias e tulipas, passando pelas elegantes rosas com respeito total, a autora que trocaria pés por raizes, pernas por caule, ainda que com poucas palavras nos envolve a ponto do livro se reiniciar milhões de vezes e cada vez se perder numa amplitude diferente. Ah… isso é tão Clarice!

"Ela se esconde para poder entender o seu próprio segredo. O seu perfume é uma gloria mas que exige da pessoa uma busca: seu perfume diz o que não se pode dizer."

Dica musical: Amor e Flores

Interprete: Marissol Mwaba

Álbum: Palavra Mágica (Rec ‘n’ Play)

No mais, é isso.
Fiquem bem e seguros.
Juízo.
Beijinhos Trevosos. 





Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Cultura Pocket - desde 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Linezzer Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo