ULTIMAS POSTAGENS

MEU AUTOR NACIONAL - M S FAYES

Oi gente linda que adora ler!
Sabe a boa de hoje? Conhecer mais uma autora desta nova safra da literatura nacional brasileira.
Marta de Sousa Fagundes, ou como é conhecido no universo literário M S Fayes. Ela mora em Brasilia e começou a escrever em 2009, com uma escrita com traços cômico e sarcasmo, muitos adjetivos e substantivos pouco usuais que caracterizam sua escrita.
Curiosos como somos perguntamos para ela, porque escrever?
"Porque é maravilhoso criar roteiros onde eu posso criar meus próprios finais."
Quem nunca quis reescrever o final de algum livro?????
Mas escrever nunca é fácil e com a Martinha ( como é carinhosamente chamada pelas amigas) não foi diferente. Muitas vezes ela se viu suas estruturas abalada por elas e pelo fato de a mãe meio que odiar o fato de ela ter seguido a carreira de escritora.
Apesar de ter uma editora vira e mexe a autora solta algumas publicações de forma independente.
Nós sempre queremos saber como funciona o processo de criação dos nossos autores...

"Varia... às vezes do nada surge um plot de uma história e eu abro o word e começo a digitar. Às vezes aquela esquete fica meses, até anos sem que eu mexa. Daí resolvo finalizar... E pah. Pronto."

Romântica de carteirinha ela recebeu influência de varias escritoras "da velha guarda, por assim dizer" Nora Roberts, sempre. Linda Howard, Judith MacNaught.
Como eu amo playlist Literaria não perco a oportunidade de perguntar se ela cria uma playlist para suas historias ou mesmo se a musica influencia na hora da escrita, olha a resposta...

"Adoro. Já escrevi cenas por conta da inspiração de alguma música. Muitas vezes aleatórias, que nem têm nada a ver com o livro, mas inspiraram mesmo assim."

E os personagens de onde vem esta inspiração para tantos, será que algum deles se parece com ela?

"Hahahah... Fay, de Irresistível é meio que meu alter-ego. A Condessa, com o jeito meio louco também. Até um personagem masculino que eu amo... tem um pouco de mim."

Como ela mesma descreveu, entre mortos e feridos digo, físicos e digitais, livros e contos, 20. E podemos esperar muito mais por ai.



E de onde vem tanta criatividade para as historias? A autora afirma que esta criatividade a acompanha desde pequena quando tinha mania de escrever roteiros para historias em quadrinhos.Apesar da criatividade e  boa aceitação do publico ela esta sempre buscando se aperfeiçoar e buscar novas técnicas de escrita, melhorar.

Ping Pong:

Cor: Preto... putz. Mas tb gosto de roxo. E cinza.
Filme: Não lembro.
Serie: Não assisto
Musica: Pop internacional
Cantor(a): Sia
Raiz ou Nutela: Caracas? Faço a mínima ideia do que seja isso.
Dia ou noite: Noite
Frio ou calor: Frio
Livro físico ou e-book: Ambos pra ter. Pra ler gosto do ebook.
Casar ou comprar uma bicicleta: Casar
Ficção ou Não-ficção: Ficção

O que podemos esperar para o futuro?

"Mais romance florzinha, clichê mesmo, porque clichê é vida, recheado de emoções, dramas e finais felizes."

Se você também gostou demais desta autora, que além de linda é muito simpática, da uma conferida nas redes sociais e canais que ela usa para interagir com seus leitores 


   Blog      Facebook   Intagram     Skoob

Eu amei a entrevista, espero que vocês também tenham gostado.
Beijos...



Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Cultura Pocket - desde 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Linezzer Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo