ULTIMAS POSTAGENS

A DAMA MAIS APAIXONADA - HORA DO CHÁ

Oi Pockets!!!
Hoje nos vamos tomar chá nas Highlands, terras altas da Escócia.
Nesta trama crida pelas autoras Julia Quinn, Eloisa James, Connie Brockway, vamos conhecer três casais improváveis e três historias de amor, desta duologia.


Titulo: A Dama mais apaixonada
Autoras: Julia Quinn, Eloisa James, Connie Brockway
Editora: Arqueiro
Ano: 2019
Nº de páginas: 288

Sinopse: Entre no mundo cintilante do período da Regência e prepare-se para ter seus corações aquecidos por Julia Quinn, Eloisa James e Connie Brockway ... Durante sua peregrinação anual de Natal à Escócia, para visitar seu tio idoso em seu decrépito castelo, o Conde de Rocheforte e seu primo, Conde de Oakley, recebem presentes únicos: seu tio invadiu a festa de Natal de um lorde inglês - Lorde Bretton - e sequestrou quatro adoráveis mulheres para seus herdeiros escolherem... O castelo fica isolado devido à nevasca e as horas se tornam dias, as intenções mais honrosas revelam tentações tão surpreendentes quanto irresistíveis. Entre no mundo cintilante do período da Regência e prepare-se para ter seus corações aquecidos por Julia Quinn, Eloisa James e Connie Brockway... Durante sua peregrinação anual de Natal à Escócia, para visitar seu tio idoso em seu decrépito castelo, o Conde de Rocheforte e seu primo, Conde de Oakley, recebem presentes únicos: seu tio invadiu a festa de Natal de um lorde inglês - Lorde Bretton - e sequestrou quatro adoráveis mulheres para seus herdeiros escolherem... O castelo fica isolado devido à nevasca e as horas se tornam dias, as intenções mais honrosas revelam tentações tão surpreendentes quanto irresistíveis. (Skoob)


Resenha: "A Escócia é para os escoceses!" Com esta afirmação o castelão escocês Taran toma a decisão de invadir um baile de inverno de um nobre inglês e raptar algumas jovens para que seus dois sobrinhos, o conde Oakley e o conde Rochefort, possam escolher entre as damas suas esposas. Isso sem levar em consideração que Byron Wotton - conde Oakley nem é tão escocês assim já que ele é um conde Inglês e que o outro sobrinho Robert Parles (Robin) - conde Rochefort não tem nada a oferecer, além de um titulo francês duvidoso, já que está falido. Robin porém é o herdeiro por direito do castelo de Finovair, não que isso seja grande coisa, pois o castelo esta decadente.
Interessante que sempre que a gente pensa em castelos nos levamos em consideração o quanto deve ser difícil manter cuidado e aquecido um castelo, mas nesta história vamos perceber que de fato um castelo nem sempre é um cenário tão romântico assim.
Quando a carruagem para na entrada do castelo Byron custa a acreditar na insensatez que o tio acaba de cometer ao levar para o castelo quatro jovens: Catriona Burns filha única de um dono de terras local, as meias-irmãs Fiona e Marilla Chisholm, e a delicada Cecily Maycott, e também, por engano claro o duque de Bretton. Este se encontrava na carruagem (que por sinal era sua) quando as jovens foram jogadas dentro e raptadas.

Cada parte da história é escrita por uma das autoras e isso fica bem claro para quem já leu algo de cada uma e conhece um pouco de suas histórias. Julia Quinn conta sobre Catriona, a jovem não tem esperanças e nem pretensão de se tornar uma condessa e muito menos uma duquesa, esta conformada em seu papel na sociedade. Ver como ela vai se apaixonando foi muito gostoso além de divertido. Os diálogos são divertidos e o casal acabou sendo meu favorito.

"Que ele havia sido flechado pelo cupido de uma forma tão certeira que todas as outras mulheres haviam se tornado sem substância e sem cor."

A segunda história é contada pela Eloisa James e já tem uma pegada mais hot, a jovem Fiona não tem mais esperanças de atrair um casamento depois de ter sua reputação manchada pelo falecido noivo Dugald Trotter, que morreu ao cair das heras que levavam a sua janela. Foi com certeza interessante ver um lorde tão apegado as regras e decoro se apaixonar pela mal falada lady. O casal proporciona cenas bem quentes e diálogos engraçados.

                 "Uma filha mulher é mais letal que o dente de uma serpente"

A terceira e última história é escrita pela Connie Brockway, esta foi a que achei mais lenta, ser um homem falido e visto como um libertino não te ajuda muito a conquistar uma lady rica inglesa. Mas o que ele não sabe é que ela fará de tudo para conquista-lo e tem a provação da família para se casar por amor. Foi muito bonitinho ver Robin mostrar que ele tinha um lado diferente do que mostrava a sociedade e querer merecer o amor.

"- Mas então você chegou - continuou ele -, e acabou com toda a a minha força de vontade. Cada barreira, cada defesa, cada gota de boa senso e cada lição que aprendi a duras penas foram devastadas por este sorriso, destruídas por este olhar." 

Claro que também da para dar boas risadas do tio dos jovens Byron e Robin e da atirada Marilla que faz de tudo para conquistar um dos jovens da história, e que acaba tendo o fim menos provável da história.

Os dois livros desta duologia são super divertidos além de muito fácil de ler, ele levei cerca de 24 para ler toda a história.
Se você curte um romance de época com um pegada de humor, eu super recomendo esta história.

Agora me conta aí se você também gosta de romance?
Já eu algum livro destas autoras?
Vamos conversar mais sobre estas histórias.
Beijos e até a próxima...






13 comentários:

  1. Oi Ju,
    Eu super amo romance de época, esses já até tenho, mas não li. Mas será lido esse ano ainda, né porque romance é vida. rsrs
    Amei as fotos e a dica da duologia.
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Minha querida amiga linda eu simplesmente amo romance e ainda mais de época, não li mas com certeza vou ler, parabéns pela resenha, beijinhossssssss

    ResponderExcluir
  3. Apesar de romance não ser minha primeira opção de leitura,a história é interessante e por retratar épocas passadas, me chamou atenção.bjus.

    ResponderExcluir
  4. oi!
    Eu adorei a sugestão de livro :D a capa é linda, a historia é maravilhosa...

    ResponderExcluir
  5. Olá
    Adorei a sugestão do livro amo romance de época onde tem coisas proibidas amores e muita elegância e rigidez como antigamente... Adorei... Bjs e sucesso

    ResponderExcluir
  6. Só a capa me deixou curiosa para ler,uma capa muito fofa,sem falar que eu amo romance,adorei a sugestão.

    ResponderExcluir
  7. Não li nada dessas autoras, mas sim eu amo romances, achei bem interessante essa tua indicação de livro, já anotei aqui o nome!

    ResponderExcluir
  8. Gosto muito de ler romances de época e esse enredo me deixou curiosa para conhecer a escrita das autoras.

    ResponderExcluir
  9. Ola tudo bem..
    Eu gosto de tudo um pouco mas o que desperta a minha atenção sao os romance e ainda mais aqueles mais antigos ...

    ResponderExcluir
  10. Olá Jussara,

    Destas autoras só li a Julia Quinn e gostei bastante da sua escrita, então é claro que fiquei animada para conhecer esse livro e as outras histórias escritas pelas outras autoras. Gosto muito de livros com essa pegada de humor mais forte, então este já seria um ponto positivo para embarcar no enredo. Adorei conhecer!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Ainda não li a duologia, mas tenho bastante interesse, já que não é um gênero que tenho o hábito de ler. Esse livro é bem interessante, principalmente por reunir três autoras, cada uma com seu estilo. Dica mais que anotada.

    ResponderExcluir
  12. Sou suspeita pra falar quando o assunto é romance de época. Histórias como essa são tão envolventes! Ótima resenha.

    ResponderExcluir
  13. Só pela capa esse livro já me ganhou gosto muito desse tipo de livro se encontrar vou ler parabéns pela resenha.

    ResponderExcluir

© Cultura Pocket - desde 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Linezzer Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo