ULTIMAS POSTAGENS

O ANO EM QUE TE CONHECI - CECELIA AHERN


Olá Pockets!!!
Hoje apresento a vocês uma história que amei muito, e também é de uma das minhas autoras preferidas. Ela sempre aborda temas que inspira, e um dos temas é sobre Síndrome de Down, que como tenho uma irmã com Down, vejo ela representada, onde poucos se interessam sobre o assunto.


Título: O ano em que te conheci
Autora: Cecelia Ahern
Editora: Novo Conceito
Ano: 2016
Nº de páginas: 336
Classificação: 5

SinopseBem-vindos ao mundo imperfeito de Jasmine e Matt. Vizinhos, eles não têm o menor interesse em tornarem-se amigos e nunca haviam se falado antes. Estavam sempre ocupados demais com suas carreiras para manter qualquer tipo de contato.Jasmine, mesmo sem nunca tê-lo encontrado, tem motivos para não suportar Matt.Ambos estão em uma licença forçada do trabalho e sofrendo com seus dramas familiares. Eles precisam de ajuda.Na véspera de Ano-Novo, os olhares de Jasmine e Matt se encontram de forma inusitada pela primeira vez. Eles têm muito tempo livre e precisam rever seus conceitos para poder seguir em frente.Conforme as estações do ano passam, uma amizade improvável lentamente começa a florescer.Uma história dramática, original e divertida como só Cecelia Ahern é capaz de escrever.(Skoob)



RESENHA:

Em O ano em que te conheci, de Cecelia Ahern, vamos conhecer Jasmine, uma mulher no alto de seus trinta e poucos anos. Suas duas paixões são: sua irmã Heather, (que tem síndrome de down, mas é totalmente independente) e seu trabalho. Seu mundo fica de pernas pro ar quando perde seu tão amado  emprego, pra completar é obrigada a tirar uma licença forçada de um ano inteiro pra depois começar a procurar outro emprego. 
Jasmine odeia ter que ficar ociosa, e tudo piora por causa de seu vizinho Matt. Um locutor de rádio  que chega todos os dias de madrugada, bêbado, com o som do carro alto, não se importando se está ou não incomodando a vizinhança. Não deixando de lado o fato de que Matt é um tremendo babaca.
Jasmine passa seus dias visitando suas amigas que não vê há muito tempo, comemorações com amigos e sessões de terapia de Heather. Sem nada pra fazer ela fica a observar Matt e descobre que a mulher dele foi embora com os filhos, ele também foi demitido e está se entregando ao vício do álcool.
A procura de algo para matar o tempo, Jasmine, que tem o nome de flor, começa a se dedicar a reforma de seu jardim, isso faz com que os dias passem mais rápido. Assim, Matt se aproxima deixando nossa mocinha cada dia mais irritada. Uma estranha amizade entre eles nasce e eles vão percebendo que tem muito em comum.Que tipo de sentimento nascerá dessa "amizade" entre duas pessoas tão diferentes e iguais ao mesmo tempo?
Só o tempo poderá nos dizer. A autora nos encanta mais uma vez com essa história do dia a dia, simples, mas cheia de significados e vários sentimentos. No decorrer da leitura veremos a vida de alguns personagens se entrelaçar. Jasmine é uma mulher cheia de amarras e precisa aprender a se libertar delas e viver mais para si mesma. No desenrolar do livro veremos como as experiências podem mudar as pessoas e fazer delas alguém melhor. 

Matt também passa pelo mesmo processo de mudança. Confesso que passei a gostar e a torcer pelo personagem. Não posso esquecer os personagens secundários: a minha preferida é Heather, irmã de Jasmine que é uma fofa.  preciso destacar o respeito e a beleza que Ahern teve muito capricho em nós  mostrar um pouco do dia a dia das pessoas portadores de Síndrome de Down. O ano em que te conheci fala de amizade, perdas, transformação pessoal e problemas familiares.

"Isso me faz pensar sobre qualquer pessoa que está tentando crescer onde alguma coisa, mesmo uma parte delas mesmas, morreu. Todos nós acabamos sofrendo dessa doença. É melhor se mudar, arrancar as raízes e começar de novo; só então poderemos florescer".

Beijos até mais...








5 comentários:

  1. Olá Leilinha,
    Que texto Maravilhoso, adorei sua resenha, embora só tenha lido um livro da autora, adorei a escrita dela, já anotei aqui para minha lista infinita.
    Parabéns miga.
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Oi Amiga!
    Eu gostei muito da sua resenha, este vai para a minha lista de leituras de 2020.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Que indicação legal! Eu me interesso em conhecer mais sobre portadores da síndrome de down e, como você disse, é raro ver isso representado assim.
    A premissa da história é bastante interessante, vou procurar!

    ResponderExcluir
  4. Que resenha! Adorei o livro e a temática. Parabéns ❤

    ResponderExcluir
  5. Oi! Dessa autora, eu só li Simplesmente Acontece e olha que foi quando se chamando Onde os Arco Íris terminam haha. Eu já tinha ouvido falar desse livro, mas não sabia mt sobre ele. Eu gostei da premissa. Parece ser aquele romance super gostoso de ler. Fiquei interessada. Beijos
    https://almde50tons.wordpress.com/

    ResponderExcluir

© Cultura Pocket - desde 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Linezzer Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo