ULTIMAS POSTAGENS

LITERATURA PELO MUNDO - INGLATERRA


Oi pockets!!!
Hoje vou falar de um lugar que amo, mas ainda não tive a oportunidade de conhecer pessoalmente somente através de livros e filmes. A cidade de Londres, uma das grandes fontes de literatura do mundo.  Para os amantes de leitura o melhor lugar para se conhecer é a British Library entre outras que torna Londres um lugar mágico.
Fundada em 1973, a British Library (Biblioteca Britânica) é a biblioteca Nacional do Reino Unido e uma das maiores bibliotecas do mundo, contando com mais de 170 milhões de itens catalogados de diversos países diferentes. Ela recebe pelo menos uma cópia de simplesmente todos os livros produzidos no Reino Unido e na Irlanda. Ela abriga cerca de 14 milhões de livros, incluindo manuscritos e itens históricos com até 2 mil anos! Além de um enorme acervo impresso em diversos idiomas, a British Library possui um impressionante acervo digital, que inclui livros, manuscritos, revistas, jornais, gravações de som e música, vídeos, scripts, patentes, bases de dados, mapas, selos, impressões e desenhos.

Uma das maiores bibliotecas de Londres, pela pesquisa que fiz sobre a biblioteca meu local favorito é a sala de leitura parece ser um lugar incrível.

A BIBLIOTECA DO REI

Um dos destaques do centro do edifício que abriga a British Library é a King’s Library Tower (Torre da Biblioteca do Rei). Quando George III se tornou rei em 1760, ele herdou uma biblioteca incrível de seu pai, George II. O rei começou a montar uma nova coleção de obras ainda maior, com diversos manuscritos e raridades, que atingiu cerca de 65 mil livros. Quando ele morreu em 1820, George IV doou a biblioteca ao país e ordenou que a coleção ficasse separada de qualquer outro acervo, uma vez que ela é uma das coleções mais importantes de livros e panfletos da Era do Iluminismo. A coleção ficou alojada na “Galeria do Iluminismo” do British Museum entre 1827 e 1997. A partir da década de 1970, o acervo começou a transferido para a recém criada British Library. A coleção está agora alojada na King’s Library Tower, uma estrutura de vidro e bronze de seis andares no hall de entrada da British Library.


Escritores

Agatha Christie
Agatha Mary Clarissa Christie DBE ( Nascida Agatha Clarissa Miller; Torquay Devon Inglaterra, Reino Unido, 15 de Setembro de 1980 - Wallington, Oxfordsire, Reino Unido, 12 de aneiro de 1976, popularmente conhecida como Agatha Christie foi uma escritora britânica gênero romance policial, tendo ganho popularmente, em vida, a alcunha de "Rainha/Dama do Crime" ("Queen/Lady of crime", no original em inglês). Durante sua carreira publicou mais de oitenta liros alguns sob o pseudônimo de Mary Westmacott. A rainha do crime se consagrou ao criar o detetive Hercule Poirot que desvenda crimes e historias intrigantes de maneira surpreendente. Agatha Christie é a romancista mais vendida de acordo com o Guinness Book o Livro dos Recordes. Seus mais de 80 livros publicados, e traduzidos em todo o mundo, fizeram dela a maior escritora de romances policiais de todos os tempos Muitas obras á foram adaptadas para o teatro e cinema.


"A essência da vida é andar para a frente;

sem possibilidade de fazer ou intentar marcha a trás.

Na realidade, a vida é uma rua de sentido único."

Alem de consagrados contos de mistério Agatha deixou de lado as investigações e publicou seis romances sob o já mencionado pseudônimo de Mary Westmacott explorando a alma humana seus conflitos e emoções. A escritora morreu com 85 anos vítima de pneumonia.

William Shakespeare (Stratford-upon-Avon, 1564 (batizado a 26 de abril) — Stratford-upon-Avon, 23 de abril de 1616) foi um poeta, dramaturgo e ator inglês, tido como o maior escritor do idioma inglês e o mais influente dramaturgo do mundo. É chamado frequentemente de poeta nacional da Inglaterra e de "Bardo do Avon" (ou simplesmente The Bard, "O Bardo"). De suas obras, incluindo aquelas em colaboração, restaram até os dias de hoje 38 peças, 154 sonetos, dois longos poemas narrativos, e mais alguns versos esparsos, cujas autorias, no entanto, são ainda disputadas. Suas peças foram traduzidas para todas as principais línguas modernas e são mais encenadas que as de qualquer outro dramaturgo. Muitos de seus textos e temas permanecem vivos até os nossos dias, sendo revisitados com frequência, especialmente no teatro, na televisão, no cinema e na literatura. A obra mais famosa da romancista, sem dúvidas, é Orgulho e Preconceito (Pride and Prejudice), considerado um dos livros mais lidos em todo o mundo. A história mostra a maneira com que a personagem Elizabeth Bennet lida com os problemas relacionados à educação, cultura, moral e casamento na sociedade aristocrática do início do século XIX, na Inglaterra. A obra ganhou uma adaptação para o cinema em 2005.


"É mais fácil obter o que se deseja com um sorriso do que à ponta da espada."

Nas histórias da escritora, as protagonistas mulheres têm mais autonomia e independência do que em outras obras da época, representando uma contribuição literária ao que podemos chamar de um movimento feminista, mesmo que ainda tímido.Em 2017, ano do bicentenário de morte da autora, Jane ganhou uma homenagem do governo britânico: o rosto dela passou a estampar a nova nota de 10 libras.

Jane Austen (Steventon, Inglaterra16 de dezembro de 1775Winchester, Inglaterra, 18 de julho de 1817) foi uma escritora inglesa. A ironia que utilizou para descrever as personagens de seus romances a coloca entre os clássicos, haja vista sua aceitação, inclusive na atualidade, sendo constantemente objeto de estudo acadêmico, e alcançando um público bastante amplo.
Nascida em Steventon, Hampshire, de uma família pertencente à nobreza agrária, sua situação e ambiente serviram de contexto para todas as suas obras, cujo tema gira em torno do casamento da protagonista. A inocência das obras de Austen é apenas aparente, e pode ser interpretada de várias maneiras.                                                                     

"Muitas vezes perdemos a possibilidade de felicidade de tanto nos prepararmos para recebê-la. Por que então não agarrá-la toda de uma vez?"


A literatura Inglesa é muito rica e possui vários nomes consagrados, trouxe apenas estes três mas Quero saber quais são os seus autores ingleses favoritos
Me conta ai nos comentários.

Até a próxima!



3 comentários:

  1. Charles Dickens minha querida!
    Mas só li Grandes Esperanças até hoje. Tenho que ler mais, muito mais.

    ResponderExcluir
  2. Olá Tati,

    Amei seu post, também adoro a Inglaterra, tem vários autores maravilhosos e que amo. E da sua indicação Jane Austen é minha amada com o livro Orgulho e Preconceito, e Agatha Diva com seus de mistérios. Parabéns

    ResponderExcluir
  3. Amei o post Tati.
    Inglaterra é linda demais com seus autores maravilhosos.
    Jane Austen é uma das minhas favoritas.

    ResponderExcluir

© Cultura Pocket - desde 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Linezzer Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo