ULTIMAS POSTAGENS

LIBERDADE DE LEITURA, NÃO A CENSURA

Oi pockets!!

Temos presenciado atos de censura artísticas, culturais e literárias ultimamente que não condizem com nossa democracia e liberdade de expressão.  Na Bienal do Rio de Janeiro 2019 um fato lamentável conduzido pela prefeitura da capital carioca, tornou um evento de confraternização, encontros literários e de pessoas em atos de cerceamento e recolhimento de publicações literárias voltadas ao seguimento LGBTQ+. 

A liberdade de expressão e publicação, é garantido por Constituição Federal, não importa grau, gênero ou cor, discriminar é crime, segundo artigo de lei.
Nos últimos anos muitos escritores se enveredaram por esse caminho em função de não haver publicações nesse sentido, atingiram um público que se achavam excluídos do setor literário. Livro de muito bom gosto literário e cuidado, que só vem a contribuir em uma gama da sociedade que se acha excluída e alijada das benesses publica e sociais de estados e municípios.

Nossa sociedade cada vez mais tem acesso a conteúdos digitais e redes sociais que facilitam ao acesso de sites e canais de entretenimento sexual, e o nossos governantes estão preocupados em proibir literatura. Nossas cidades vivem em constante ataque de grupos armados que nos impedem de ir e vir, que nos privam de sair para um programa em família por medo de assaltos, roubos, assassinatos. Nossas vias cada vez mais esburacadas, passeios irregulares causam acidentes que prejudicam a população. Crianças e jovens são abusados e manipulados por seus entes, em sua maioria homens e mulheres que deveriam zelar por seu bem estar.

Recolher livros por que há um beijo gay no livro não o torna obsceno. Obscena é gente atacando pessoas por sua condição sexual, obsceno é racistas atacando pessoas por causa de cor, obsceno é assassinos ateando fogo em pessoas em vias e viadutos por sua condição social e por ser de outro estado, obsceno é o povo atacando e defendendo a expulsão de estrangeiros do país, obsceno é a população não tendo acesso a condições básicas de saúde e de saneamento básico.
Obsceno são nossas crianças e jovens não terem acesso a uma escola adequada e nossos professores não terem um salário adequado e condições de trabalho, escola sem laboratórios e bibliotecas com livros de acesso fácil.
Leitura é o que nos leva a refletir sobre nossa realidade, sobre o mundo a nossa volta, nos leva a compreender melhor as pessoas, a nos relacionar melhor com os que são diferentes. Leitura nos faz compreender que as há diferentes gostos e situações. Leitura é espaço de lazer, entretenimento, aprendizado, cultura.  As leituras não fizeram ninguém ser um pirata, um príncipe ou assassino; ou princesa, Cinderela e desbravadora do mundo, por ler livros desta natureza, assim como não fez ninguém especialista em sexo por ler e ver revistas de sexo vendidas em bancas de revistas, e nem devoto religioso por ler a Bíblia. 
Defendemos a leitura como instrumento de agregação, de motivação, de reflexão, seja ela romance, infantil, fantasia, suspense, religioso, assim como de cunho LGBT. Eles merecem o nosso respeito como pessoas, consumidores e pessoas de bem que trabalham, estudam, compram roupas, comida e contribuem por um país mais humano e digno.
Não ao cerceamento de liberdade, não a censura. 
Somos um país democrático e livre.
Viva a literatura e amor aos livros.
“Obscena, é a fome” José Saramago
Reivindicamos por um país justo, humano e em condições para todos, independentes de cor, raça ou religião.


Educação e leitura para todos, assim se transforma um país.



6 comentários:

  1. Amei o post. Temos que nos impor diante o ato da censura e preconceito. Amo esse Blog demais, e um dos motivos é a ética e moral empregadas nele. Parabéns, Fábio, pela publicação. #nãomexacomomeulivro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Nathany. A leitura nos abre o olho para a melhor forma de viver em comunidade.

      Excluir
  2. Perfeito! Esse texto fala todas as verdades que precisam ser ditas! Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  3. 👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾
    Primoroso!
    Um texto que me representa.
    Parabéns Fábio!
    Você arrasou!

    ResponderExcluir

© Cultura Pocket - desde 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Linezzer Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo