ULTIMAS POSTAGENS

GUERREIROS DE MARTE - PAULO H. CARVALHO

Oi Pockets!
Tudo bem com vocês? Espero de coração que sim.
Nessa resenha quero apresentar a vocês o livro “Guerreiros de Marte”, que é o primeiro livro da Saga Guerreiros do autor Paulo H. Carvalho. Nessa ficção científica distópica vamos conhecer 9 jovens que são mandados para a Terra recém-nascidos com o intuito de salvar seu planeta natal, Marte.


Título: Guerreiros de Marte
Autor: Paulo H. Carvalho
Editora Skull
Sinopse: Nove Jovens nascidos em Marte, foram obrigados a deixar o planeta por conta de uma invasão inimiga partindo então para a Terra e sendo adotados por famílias diferentes. Uma profecia dizia que esses jovens lutariam para salvar seu planeta natal das mãos de Zentro. Dotados de habilidades especiais, desde pequenos já estavam destinados a guerra, mas antes teriam de enfrentar outros desafios, como autocontrole e a convivência em grupo.

"Um conselho que posso te dar, é que, não importa se o destino já estiver traçado e for ruim, faça do caminho sua melhor parte."

Marte é invadido pelo exército malviniano, tendo como líderes Zentro e Trevor, que invadem, aprisionam, matam e destroem boa parte da população. Mas tudo isso foi previsto pelo Oráculo, por isso as crianças foram mandadas para o planeta mais próximo, nossa Terra. Os anos se passam, Marte continua refém do exército de Malvin, as crianças crescem, e agora, adolescentes tem que enfrentar as intempéries de ser adolescente, os novos poderes e descobrem sua verdadeira origem.

"Desde quando a cor da pessoa que escolhemos para amar nos desonra? Por que é tão difícil entender que o amor não escolhe cor, raça, religião e gênero? Amor só escolhe amor."

“Guerreiros de Marte” nos presenteia com Vitórios, Tanos, Kheterine, Paul, Alaska, Nevaska, Zhenya, Ecos e Zafine, que estudam em uma escola da Terra e lidam com problemas comuns de adolescentes como hormônios, bullying, preconceito, provas, amor, amigos, coisas da puberdade e ainda precisam se adaptar aos seus poderes que surgiram em alta potência. Esses marcianos vão conhecer Edward, que será importante em suas batalhas.

"Um amor como o seu, não é difícil de identificar"

Vamos conhecer um pouco dos personagens:
Zafine, minha queridinha, é a estudiosa da turma, vive com a cara enfurnada nos livros.
Nevaska e Alaska são irmãs gêmeas, enquanto Nevaska quase sempre é paz e amor, Alaska é explosiva e ama uma briga.
Katherine é a típica patricinha que quase todos querem ser.
Zhenya, minha segunda queridinha, é uma diva sensata, aquela que conversa com todo mundo, mas não pense que por ser simpática ela leva desaforo pra casa, isso nunquinha.

"Se você tem um líder ruim você deve sustituí-lo. Eles não quiseram fazer isso, então são coniventes com suas escolhas."

Paul é aquele cara sossegadão que não quer saber de nada.
Ecos é o carinha que todos as garotas desejam ter uma vez na vida, o riquinho.
Vitorios é o esportista mandão, o cara popular e encrencreiro da escola.
Tanos é o solitário do grupo, adora memes e tem um humor negro, carregado na ironia.
Edward é um terráqueo, o nerd da turma, ama games e tecnologia.

"Essa pode ser a nossa última batalha e posso estar pedindo demais, mas quero que lutem como se realmente fosse nossa última batalha."

Com críticas reais a nossa sociedade, esse livro nos faz refletir sobre atitudes que julgávamos/julgamos normais, comuns, mas que prejudicam e/ou magoam outras pessoas.
São tantos sentimentos que a história nos traz que fica difícil de falar qual é o predominante, mas uma coisa eu sei, que a amizade e amor que surge entre esses jovens tão diferentes e ao mesmo tempo tão iguais nos faz esquecer um pouco a tristeza e frustração pelas mortes que ocorrem na história. Já vou deixar fixado que são muitas mortes.

"Você já tem a chave, então por que não libertá-lo de sua prisão? Não seja como aqueles que preferem ficar presos, eles perdem um mundo maravilhoso e cheio de liberdades."

É isso Pockets! Que vocês fiquem curiosos para conhecer a Saga Guerreiros.
Beijos.



2 comentários:

  1. Apesar de alguns clichés eu adorei a trama e fiquei bem curiosa. Minha filha ficou doida já achando que era uma série da Netflix rsrs.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É difícil um livro adolescente sem clichês, mas é justamente isso que eu amo.
      Ela vai adorar.
      Beijos.

      Excluir

© Cultura Pocket - desde 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Linezzer Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo