ULTIMAS POSTAGENS

RESENHA AMOR & GELATO - JENNA EVANS WELCH

Boa Tarde, Galera!

Fonte: Jussara Ferreia, 2018.
“Ele era quente, cremoso e tinha o sabor de tudo de mais perfeito que podia acontecer com uma pessoa. Verões italianos. Primeiros amores. Chocolate”

 Hoje vamos apresentar a vocês uma história muito armozinho. Uma mistura de amor e amor por algo que é bom em todos os momentos o Gelato. 😍           


Título: Amor & Gelato
Autora: Jenna Evans Welch
Editora: Intrínseca
Ano: 2017
N° Páginas: 320
Classificação: 4


Sinopse: Depois da morte da mãe, Lina fica com a missão de realizar um último pedido: ir até a Itália para conhecer o pai. Do dia para a noite, ela se vê na famosa paisagem da Toscana, morando em uma casa localizada no mesmo terreno de um cemitério memorial de soldados americanos da Segunda Guerra Mundial, com um homem que nunca tinha ouvido falar. Apesar das belezas arquitetônicas, da história da cidade e das comidas maravilhosas, o que Lina mais quer é ir embora correndo dali. Mas as coisas começam a mudar quando ela recebe um antigo diário da mãe. Nele, a menina embarca em uma misteriosa história de amor, que pode explicar suas próprias origens. No meio desse turbilhão de emoções, Lina ainda conhece Ren e Thomas, dois meninos lindos que vão mexer ainda mais com seu coração.Uma trajetória que fará Lina descobrir o amor, a si mesma e também aprender a lidar com a perda. Amor & gelato é uma deliciosa viagem pelos mais românticos pontos turísticos italianos, com direito a tudo de mais intenso que o lugar tem a oferecer: desde paixões até corações partidos.

RESENHA:

O livro conta a história de Lina Emerson, uma adolescente de 17 anos, que descobre que sua mãe está com câncer no pâncreas, mas sua mãe não a deixa ficar pensando nisso, pois começa a contar histórias de quando ela passou um tempo morando em Florença, Itália. Das amizades que ela conquistou e porque decidiu ir para lá, além de sempre falar do grande amigo Howard, a qual sua mãe nunca tinha falado.
Mas sua mãe acaba falecendo, mas antes faz um pedido a Lina, que ela passe o verão na Itália e viva o que ela viveu.
Lina, vai para Itália, apenas porque prometeu a mãe, mas vai de má vontade, e quando conhece Howard pessoalmente, não consegue acreditar que ele seja seu pai, como sua avó falou, pois eles não tem nada em comum. Assim que Howard a leva do aeroporto, e chega na casa dele, ela descobre que vai morar num cemitério americano em homenagem aos mortos da segunda guerra mundial, e ficou gelada.
Lina conhece Sônia, que é superintendente-assistente do cemitério, e que diz se amiga de sua mãe, e que entrega a ela um diário enviado por sua mãe antes de morrer.

"As pessoas estavam sempre me dando coisas que haviam pertencido a minha mãe, sobretudo fotos, e eu nunca sabia o que fazer com elas. Eram como lembranças da minha vida anterior. Olhei para o cemitério e suspirei. Eu não precisava de mais lembrete de que as coisas tinham mudado."
Fonte: Jussara Ferreira, 2018.
"No fim das contas, existe uma razão para a expressão "cair de amores", porque quando isso acontece, quando acontece de verdade, é mesmo uma queda. Não há o que fazer, você simplesmente se joga de cabeça e torce para ter alguém para segurá-lo. Senão, vai acabar se machucando feio.

Lina não sabe muito o que fazer, não tem celular, apenas um emprestado de Howard, a
internet é uma droga. Mas Howard a leva para fazer alguns tour em Florença, em lugares que levou sua mãe, e que acaba despertando o interesse dela. 
Lina é uma corredora, e acaba todo dia fazendo corridas, e um dia tentando fugir de dois caras, que a seguem de carro, ela acaba se perdendo e indo para onde nunca tinha ido, mas encontra um lugar lindo e também Lorenzo ou Ren como é conhecido, um meio- italiano, que é bonito, fofo e engraçado, que mora numa casa de biscoito. 
Eles acabam se tornando amigos, e devido uma aposta que já rolava na escola dele, já que Lina deveria ter ido a Itália no outro verão, ele a leva numa festa para conhecer seus novos colegas de escola. 
Lina fica apreensiva, mas acaba conhecendo outros jovens divertidos e fica encantada por Thomas, um rapaz bonito, charmoso e atencioso, que balança seu coração.
Lina não sabia o que esperar da Itália, mas acaba descobrindo muitas coisas que não sabia sobre sua mãe através do diário que ela deixou, e nisso embarcar numa aventura ao lado de Lorenzo, eles seguem os mesmos passos da mãe de Lina, e descobre lugares lindos, mas que já sofreram algumas mudanças devido o tempo.
A história é contada no presente e passado (quando Lena ler o diário da mãe), e vai descobrindo que sua mãe nem sempre contou tudo a ela, nem que era Howard e nem seu verdadeiro pai, e nem mesmo como ela se sentiu a deixar algumas coisas para trás. A mãe de Lina é uma fotografa famosa, que inspirava com seu talento e com os momentos eternizados.
   "Uma vida sem verão é como um ano sem amor."
Fonte: Jussara Ferreira, 2018.
“- Ei, acabei de pensar em uma coisa. – No quê? – Quando estamos juntos, formamos um italiano inteiro.”

Lina vai descobrir coisas que vão magoa-lá, mas também vai encontrar coisas que nem buscava. Lina vai conhecer um mundo o qual só imagina, além de lugares encantadores em Florença, que a deixará apaixonada pelo lugar, além de novas amizades e uma dúvida entre o amor, além de conhecer o melhor gelato que já provou.

A escrita da autora é ótima, pois é leve e fluida, e descreve os lugares de Florença tão detalhado, que parece que você está lá junto com Lina. Além de tocar em alguns pontos fortes, sobre morte e rejeição de uma maneira leve, mesmo sendo temas triste de vivenciar e ser abordado, além de mostrar o amadurecimento de Lina no decorrer da história. 

 
“Sabe, as pessoas vêm para a Itália por vários motivos, mas, quando ficam aqui, é só por dois. — Quais? — Amor e gelato”
Fonte: Jussara Ferreira, 2018.


Opinião da Ju: Sabe aquele livro que a medida em que você vai lendo vai se apaixonando. Eu não conseguia parar de ler, sabe quais os motivos para isso? Florença, OMG eu preciso conhecer esta cidade linda, Sorvete (Gelato) eu posso literalmente viver só comendo gelato rsrsrs, um amor ou melhor o primeiro amor, Ren e um Italoamericano mais lindo e fofo da literatura, um "Pai" que ela nem sabia que existia (aqui a surpresa e dupla mas vou me segurar senão sai spoiler), uma melhor amiga incrível que apesar de aparecer pouco na historia e fundamental, uma mãe linda, incrível, mas cheia de falhas como todos nós.

Tão lindo, cheio de amor, com um roteiro de turismo incrível, com certeza foi um ótima escolha para abrir minhas leituras de 2018 e corre o risco de entrar para os melhores do ano e olha que acabei de iniciar minhas leituras.


Opinião da Sue: Eu achei esse livro muito amorzinho, uma leitura leve e encantadora, que li em um dia, que me prendeu. Eu senti a perda de Lina, pois minha mãe também faleceu de câncer, e sei como é esse sentimento. Eu me apaixonei por Lorenzo, de cara, pois é aquele menino de coração bom, amigo, atencioso, fofo e charmoso, e que está disposto a te ajudar e seguir nas suas aventuras. Howard é o cara que todos queriam como pai, que se preocupa e está ali para amar independente de DNA. E acima de tudo eu amei a cidade, tenho um sonho conhecer Florença, e essa história me deixou mais encanta e doida para ir em Florença.

Quem quer uma leitura leve, divertida e fofa, super indicamos Amor & Gelato, pois é uma leitura encantadora e muito Amorzinho.

E se você gostou da nossa resenha e quiser concorrer no sorteio deste livro, a dica é a seguinte. Esta rolando no instagram do ClubedolivroBH um sorteio em parceria com o Cultura Pocket de um Kit contendo o 01 "Livro Amor & Gelato", 03 marcadores fofos de feltro, 03 chaveiros de feltro. Corre lá que ta facinho de ganhar, é só procurar a foto oficial igualzinha a esta aí e seguir as regras. Boa sorte!!!!



Beijos e até Breve!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Cultura Pocket - desde 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Linezzer Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo