ULTIMAS POSTAGENS

Menina má - DARK CLUB

"NASCEMOS TODOS INOCENTES E SOMOS CORROMPIDOS PELO MUNDO À NOSSA VOLTA? Ou será a maldade uma espécie de semente que carregamos dentro de nós, capaz de brotar mesmo na mais adorável das crianças?"
Este é o pensamento que permeia nossa mente quando pensamos na historia narrada em "Menina má". Pode uma criança já nascer má? O livro conta a historia de uma mulher que tem uma filha que possui um comportamento muito diferente das crianças de sua idade. 
Rhoda e uma criança de 8 anos aparentemente adorável, porém o que sua carinha de anjo esconde pode deixar muito adulto arrepiado. Ela é perfeita em alguns sentidos porem extremamente fria e incapaz de demonstrar sentimentos ou de senti-los. O que me deixou mais intrigada durante a leitura foi a forma como a personagem de Rhoda é apresentada, os segredos que são revelados pela mãe da criança nos levam a refletir se os traços de maldade podem ser transferidos para os filhos. A trama te prende e com certeza e como se você estivesse vendo um thriller de terror. 
O livro que foi publicado originalmente em 1954 te remete a filmes bem ao estilo de Alfred Hitchcock, é como se além ler você também fosse capaz ver as imagens em P&B. 
A criança má da qual conta a historia é uma psicopata dissimulada, e como a narrativa e feita pela perspectiva da mãe. Após alguns acontecimentos estranhos e a total indiferença da criança sua mãe Christine começa a estudar o perfil de grandes psicopatas e desvenda segredos e mistérios que jogam uma luz sobre a verdadeira face da filha. Você é capaz de se sensibilizar com suas duvidas e angustias a medida em que ela vai percebendo que a filha e uma assassina. 
Coincidência ou não na semana em que eu estava lendo assisti ao episodio 6 ("The Origins of Monstrosity") da serie American Horror Story: Asylum em que aparece uma personagem claramente inspirada nesta historia. 

Sua personagem é tão marcante que influenciou não apenas a literatura do gênero como também serviu de inspiração para personagens do terror que a precederam. 
 Esta é a nossa caveirinha do dia. 
Se você gosta de terror ficará arrepiado com a historia. Quer conhecer um pouco mais? É só clicar o link.   E ainda dá para ver a versão desta "assustadoramente boa" historia nas telas na versão cinematográfica de 1956 


Este foi o primeiro Darkside que eu li, e posso dizer que atendeu as expectativa. Achei ótimo e super recomendo.

Como no mês de agosto o clube do livro do nosso blog parceiro Livros da Nane será de livros da Editora Darkside apareceram por aqui algumas resenhas e dicas de livros/filmes que esta editora já publicou.
Participe para concorrer.

Beijos...


Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Cultura Pocket - desde 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Linezzer Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo